jusbrasil.com.br
23 de Agosto de 2019

Franquias duram mais que novas empresas

80% das micro e pequenas empresas fecham as portas nos cincos primeiros anos. No mercado de franquias o percentual é de 15%.

Studio Fiscal, Contador
Publicado por Studio Fiscal
há 5 anos

Investir em franquia investir em segurana

Uma pesquisa realizada pelo SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) aponta que enquanto 80% das micro e pequenas empresas fecham as portas nos cincos primeiros anos. No mercado de franquias o percentual é de 15%. Ainda, no primeiro ano, a perspectiva de fechamento é de 30% para novos empreendimentos - 10 vezes mais aos fechamentos de franquia.

Um dos principais motivos dessa estatística é o fato de que a franchising oferece um sistema estruturado, fundado em experiência adquirida em anos de trabalho. Na verdade, a ideia em transformar o empreendimento em franquia está no objetivo de querer ampliar e expandir negócio. Isso quer dizer que o empreendedor só terá interesse em realmente ampliar sua empresa quando houver uma solidez estrutural e financeira.

Diante disso, quem tem a ganhar é o interessado em adquirir a franquia. Além da vantagem de possuir uma empresa com solidez no mercado e vida útil superior a um empreendimento novo, o franqueado possui uma retaguarda munida de sistemas de recursos humanos, gestão financeira e marketing.

No entanto, fechar um contrato de franquia é algo que requer sintonia entre franqueado e franqueador. Para entender isso, há duas perguntas fundamentais que o interessado em comprar a franquia deve fazer: Identifico-me com essa área de atuação? Tenho perfil de empreendedor?

Por outro lado, o franqueador não deve generalizar a busca por novos sócios. “As marcas mais consolidadas falam mais não do que sim. É preciso estudar a região que um possível franqueado quer atuar e se tem realmente capacidade financeira. Na ansiedade de querer abrir algo, a franquia pode quebrar por não ter fôlego para enfrentar uma crise. Sem dúvida, avaliações criteriosas são fundamentais. Sem planejamento, até banco fecha”, exemplifica Denis Santini, sócio-fundador da MD Comunicação. Se essas questões estiverem em sintonia, há uma possibilidade imensa da franquia ser um sucesso.

Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria

Também, de acordo com a SEBRAE, há determinadas atividades capazes de aumentar o tempo de sobrevivência do empreendimento, tal qual o nicho referente à atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria. Por serem áreas muito especificas, acabam sendo exclusivas e possuem pouco ou nenhuma concorrência.

É o caso dos serviços oferecidos pela Studio Fiscal, única rede de franquias, que oferece serviços de assessoria e auditoria fiscal toda em esfera administrativa. Por não possuir concorrentes, essa franquia gera muitas possibilidades de retorno financeiro aos seus franqueados, além de oferecer todo suporte operacional para tal.

Nesse caso, há algo mais. A Studio Fiscal propõe sociedade com aqueles que tiverem interesse em crescer junto com ela, bem como prospectar novas empresas dispostas a implementar gestão tributária, otimiza-la ou obter melhores resultados financeiros com ela. Em suma, não será apenas uma relação de franqueado e franqueador, mas sim de sócio com sócio.

Para saber mais sobre nosso modelo de negócios visite nosso site clicando aqui.

1 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Isto é evidente em decorrência da abarrotada carga burocrática brasileira.
Isto nos dá uma idéia de como estamos atrasados em relação aos outros países no tocante à criação de empresas. Oferecem mecanismos viáveis à abertura de empresas, diminuindo impostos e taxas o mais conveniente possível. continuar lendo